Caminhos da Floresta, baseado no musical homônimo, mostra alguns dos mais conhecidos contos de fadas convergindo através de uma única história. A ideia é bastante original e a decisão de adaptarem o filme inteiramente como musical só corrobora para isto, mas nem tudo são flores…

O filme gira em torno de uma Bruxa (Meryl Streep) que deseja alguns itens específicos para desfazer uma maldição que a mantém com uma aparência horrenda, e consequentemente uma outra maldição que ela lançou sobre um casal, que os impede de ter filhos. Dentre tais itens estão o casaco da chapeuzinho vermelho, a vaca de João (João e o Pé de Feijão), o sapato de Cinderela e um pedaço de cabelo de Rapunzel.

caminhos da floresta 1

A história – aquela que nós conhecemos – de cada um dos personagens é mostrada em relances, onde vemos basicamente só aquilo que é mais icônico e notório. Mas, a grande sacada da história é ir além e nos dar alguma virada, algo inesperado e original, sendo estes os momentos que mais valem a pena, como por exemplo a cômica discussão musical entre os dois príncipes, sobre quem está sofrendo mais por sua amada.

Por ser um longa bastante povoado, diversos personagens ficam sem um desfecho, gerando uma certa sensação de vazio ao fim. Além disso, também há algumas mensagens contraditórias em alguns pontos, mas talvez tenha sido exatamente esta a intenção: mostrar que não realmente um caminho certo a seguir.

caminhos da floresta 2

O elenco é recheado de estrelas, mas, com tantos personagens, nem todos os atores são bem aproveitados. Meryl Streep é quem mais uma vez volta a roubar a cena. Sua atuação como bruxa capta, propositalmente, todos os clichês dos clássicos filmes da Disney, mas ainda assim é forte e marcante.

Agora, vou para o ponto que mais me deixou a desejar: as músicas. Sendo um musical, esse deveria ser o ponto mais forte da película, porém nenhuma composição fica na sua cabeça, em sua maioria são muito genéricas ou excessivamente explicativas, faltou ao menos uma que se destacasse além das demais. Prova disso é o fato do filme não ter sido indicado ao Oscar na categoria.

caminhos da floresta 3

No fim, Caminhos da Floresta, é um filme que vale a pena conferir e tem mais coisas a seu favor do que contra, mesmo que tenha ficado com aquele sentimento de poderíamos estar diante de algo muito especial, se ao menos a execução do conceito fosse feita com maior esmero.

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=3pRaqZ2hoNk]

 

Ficha Técnica
Into the Woods – 2015 (EUA)
Duração: 125 minutos
Gênero: Musical/Fantasia
Direção: Rob Marshall
Roteiro: James Lapine e Stephen Sondheim
Elenco: Emily Blunt, Anna Kendrick, Meryl Streep, James Corden, Chris Pine, Johnny Depp, Daniel Huttlestone, Lilla Crowford e Mackenzie Mauzy

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui