O astro Brad Pitt estrela Corações de Ferro (Fury) como o sargento de exército Wardaddy, este é o primeiro filme de época do diretor David Ayer, conhecido pelo trabalho em Os Reis da Rua Marcados para Morrer e que vai dirigir para Warner/DC, Esquadrão Suicida que já teve seu elenco confirmado, mostrando uma equipe do exército americano no comando de um tanque Sherman chamado Fury que parte em uma missão mortal atrás das linhas inimigas do território alemão nos últimos dias da Segunda Guerra Mundial.

Corações de Ferro conta ainda com os atores Shia LaBeouf (Transformers), Logan Lerman (Percy Jackson), Jon Bernthal (The Walking Dead) e Michael Peña (Marcados para Morrer) no elenco que no exterior tem recebido, em geral, críticas positivas. O longa que possui um ritmo diferente do esperado, temos tempo para momentos de reflexão moral e religiosa e mostra a guerra marcada pelas atrocidades, pelo vermelho do sangue e pelo laranja das chamas, o regimento parece já indiferente a situação caótica, insensível à dor e desinteressado na ocasional injustiça, e neste cenário pouco animador que o recém-chegado Norman (Lerman) se depara.

1231428 - FURY

Há pouco mais do que oito semanas na guerra e inicialmente destacado para datilografar, Norman vê-se inserido num grupo que não o aceita e que não lhe reconhece qualquer capacidade, tratado de forma cruel e constante pelos seus companheiros, chegando a ser forçado a matar um inimigo que se rendeu contra a sua vontade, o tratamento que Norman recebe parece exagerado, mas a hostilização persistente por parte dos seus companheiros ilumina-se de uma intenção válida: a de desenvolver rapidamente em Norman as sensações de indiferença, insensibilidade e desinteresse que se espraiaram no regimento durante anos de conflito e que os foi mantendo a salvo.

Apesar de estarem em quantidade inferior e terem poucas armas, eles são liderados pelo enfurecido Wardaddy (Pitt), sargento que pretende levá-los à vitória, enquanto ensina o novato Norman  (Lerman) a lutar. A história não é verídica, resulta da criatividade de Ayer, mas não há muitas dúvidas sobre a credibilidade e o realismo desta representação crua. Em certos momentos, talvez a narrativa exponha os seus intervenientes a sortes improváveis, mas David Ayer nunca passa totalmente o risco da probabilidade e no confinado tanque batizado Fury, joga-se com personalidades distintas, cruza a religião com uma descrença religiosa, a experiência na guerra com a inexperiência, a velhice com a juventude.

Afinal, o tanque só funciona se todos remarem no mesmo sentido, e só todos sobreviverão se forem capazes de cumprir o seu papel, quão desumano seja ou possa vir a ser. Os momentos de confrontos são tensos, numa sucessão de planos abertos e fechados que aumenta o perigo sobre o regimento de Fury, Brad Pitt volta a interpretar um papel no contexto da 2ª Guerra Mundial, mas nem por isso o seu trabalho se torna menos original, o seu Wardaddy prova-se um homem de aparência forte, de liderança nata, embora o semblante sério e pesado, talvez sinta e padeça mais do que qualquer outro à sua volta.

fury-movie-2014

A certa altura no ato final, pela forma como captura o momento, a história parece sugerir uma relação entre Wardaddy e Bible superior à mera amizade e ao companheirismo. No elenco de suporte a Brad Pitt, Logan Lerman destaca-se no papel Norman, seu personagem é a que mais sofre transformações durante Fúria e a que carrega o fardo de ser os olhos da audiência. Logan Lerman mostrou-se à altura do desafio, o restante elenco compõe-se bem, incorporando qualidades e peculiaridades em personagens de outra forma contagiadas.

Fúria não é o melhor trabalho cinematográfico que tem como pano de fundo a 2ª Guerra Mundial, há obras impecáveis no gênero que são difíceis de alcançar, mas conquista com uma premissa muito simples, destacada no discurso emblemático de Wardaddy: as ideias são pacíficas, mas a história é violenta.

Ficha Técnica:

Fury – Corações de Ferro (2014) – EUA
Gênero: Guerra, Drama, Ação
Duração: 134 minutos
Direção: David Ayer
Roteiro: David Ayer
Elenco: Brad Pitt, Logan Lerman, Michael Peña, Shia LaBeouf e Jon Bernthal

Estreia:  14 de setembro de 2014 (EUA) e 5 de fevereiro de 2015 (Brasil).

fury__2014__wallpaper_1920x1080_by_sachso74-d7uaxkh

10 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui