O hack sofrido pela Sony Pictures continua a dar informações valorosas dos projetos da empresa.

De acordo com o site do jornal The Wall Street Journal, e-mails trocados entre executivos do estúdio revelam a intenção de unir as franquias Anjos da Lei e MIB: Homens de Preto.

Se a ideia parece absurda para alguns, o protagonista de Anjos da Lei, Jonah Hill, a considerou: “clara, radical e poderosa”. Em um e-mail para Amy Pascal (chefe do departamento cinematográfico da Sony), Jonah Hill comentou: “Anjos da Lei junto com M.I.B. Acho que tem potencial!”

Em outro e-mail, Hannah Minghella, presidente de produção da Sony Columbia Pictures, fala sobre o possível crossover: “Não temos um roteiro até o momento, mas vamos dar luz verde para o filme pelo conceito e pelo talento envolvido.”

O crossover, que está sendo considerado, mas que ainda não foi aprovado pela Sony, representaria uma mudança de gênero importante para Anjos da Lei e poderá dar uma nova força à franquia Homens de Preto, que teve seu último filme lançado em 2012. E-mails indicavam que a Sony gostou da ideia e espera lançar o filme em 2016 ou 2017 e que Steven Spielberg, produtor da franquia MIB, foi procurado mas não deu nenhum retorno.

A história de Schmidt e Jenko enfrentando alienígenas pode constituir o terceiro filme da franquia, Will Smith e Tommy Lee Jones, atores que interpretaram os personagens principais dos três longas dos Homens de Preto, não estão envolvidos com o projeto, mas os dois podem no máximo fazer uma pequena participação.

Jonah Hill (O Lobo de Wall Street) e Channing Tatum (Foxcatcher) estrelariam esse filme que está mais para um Anjos da Lei no universo de MIB, até porque os diretores seriam a dupla Phil Lord e Chris Miller (Uma Aventura LEGO) que também produziriam o longa que ainda não recebeu uma data para entrar em cartaz.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui